Páginas

Inverno





Como se o tempo não corresse, 
não se acumulasse dentro do frio, 
não fosse volátil sombra que sobrevive - eu te amei. 

E chorava, suspirava, emudecia
quando recordava o teu nome empobrecido
na memória que nunca tive. 

Na triste e amarga voz que sustentava, 
todas as canções tinham se acabado
pela lutuosa secura da garganta.  

A vida foi-se tornando qualquer coisa 
menor que uma lágrima perdida, 
mais frágil que um momento - 
e tão vazia de significado, tão vazia, 
que nem a morte seria maior. 


Clebson Moura Leal  


Nenhum comentário:

Postar um comentário